imageOie! Este quebra-cabeça é realmente tudo de bom! 🙂

Há muitas maneiras de você utilizar: com parlendas, músicas, trava-línguas… A forma que vou descrever foi a que eu utilizei por aqui porque o meu objetivo era trabalhar organização de frases.

Utilizei:

– Fichas com palavras que poderiam formar frases;

– Um balde com areia.

Procedimento:

Coloquei previamente as fichas dentro do balde com a areia.

Pedi para a criança procurar e organizar palavras para formar uma frase coerente.

Gente, foi tão bacana esta atividade que tive de escrever outras fichas para a criança procurar na areia. Depois a criança registrou tudo em uma folha. Deu uma baguncinha de areia (claro!…rs), mas convidei a criança para ajudar na limpeza e deu tudo certo! Ufa! 😀

Bjs e até o próximo post!

Especialista em Psicopedagogia Clinica e Institucional. Formação em Avaliação Dinâmica do Potencial de Aprendizagem e em PEI (Programa de Enriquecimento Instrumental) pelo CDCP (Centro de Desenvolvimento Cognitivo do Paraná) Centro de Treinamento Autorizado pelo Hadassah Wizo-Canada Reserach Institute e pelo ICELP - The Internacional Center for the Enhancement of Learning Potential, Jerusalém - Israel. Experiência em alfabetização e dificuldades de aprendizagem. Autora do e-book: "Mamãe, deixe-me crescer" e idealizadora da Revista Psicosol. Ama ler e tem levado bem a sério a sua brincadeira de escrever.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *