Artigo publicado no JORNAL DE SANTA CATARINA.

http://www.clicrbs.com.br/jsc/sc/impressa/4,182,3657908,18956

SOLANGE MOLL PASSOS|PSICOPEDAGOGA

A escola ideal já foi pensada, discutida e colocada no papel por muitos autores. Mas a escola que temos atualmente, na prática, é a “ideal” que foi pensada?

Muito bem, mais um ano letivo se inicia, e com ele mais uma oportunidade de se fazer diferente. Que produtivo seria se o ano já iniciasse com os papéis da família e da escola bem entendidos e definidos! Então, ficaria mais ou menos assim: a família estaria ciente que “educação começa em casa”. Portanto, assumiria, acompanharia e incentivaria o desenvolvimento emocional e cognitivo dos seus filhos.

E a escola tomaria conta das rédeas do conhecimento, e efetivamente deixaria de ser uma repassadora de informações. Esse conhecimento estaria formando seres humanos mais completos e consequentemente promoveria uma interferência significativa no mundo. E a partir daí, o professor seria merecidamente reconhecido como autoridade pelo que sabe e não pelo autoritarismo.

Nada do que foi escrito aqui é tarefa fácil de executar, simples e colorida, mas, se de fato quisermos, devemos nos mover para torná-la possível! Sem culpar esse ou aquele. Apenas cada um fazendo a sua parte do que é preciso ser feito.

Pensando bem, quem sabe possamos ousar mais e ir além do que é preciso fazer, sem esperar que o outro o faça.

Todos almejamos uma vida melhor, mais justa, com igualdade social. Para isso precisamos do esforço e empenho de cada indivíduo que compõe a grande teia a qual chamamos de sociedade. Todos têm sua tarefa a cumprir, indiferente de qual lado esteja. E a escola ideal? Ah, essa deixaria de ser uma utopia!

SOLANGE MOLL PASSOS|PSICOPEDAGOGA

 

Especialista em Psicopedagogia Clinica e Institucional. Formação em Avaliação Dinâmica do Potencial de Aprendizagem e em PEI (Programa de Enriquecimento Instrumental) pelo CDCP (Centro de Desenvolvimento Cognitivo do Paraná) Centro de Treinamento Autorizado pelo Hadassah Wizo-Canada Reserach Institute e pelo ICELP - The Internacional Center for the Enhancement of Learning Potential, Jerusalém - Israel. Experiência em alfabetização e dificuldades de aprendizagem. Autora do e-book: "Mamãe, deixe-me crescer" e idealizadora da Revista Psicosol. Ama ler e tem levado bem a sério a sua brincadeira de escrever.

Um comentário em “O modelo de escola ideal já foi pensado!

  1. estou adorando este site, com assuntos que nos fazem pensar e rever nossas atitudes frente ao ensino e aprendizagem das crianças. Parabéns

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *