Dominó de Análise

Dominó de Análise

O-lá!

Estimular o pensamento lógico para algumas pessoas é sempre acompanhado de nariz torcido. E o porquê disso, muitas vezes, está nas primeiras experiências com desafios lógicos. 

Se lançarmos uma pessoa em uma piscina profunda, sem ela ter conhecimento básico para nadar, talvez ela até consiga se salvar, mas o processo deixará nela marcas desagradáveis e ela evitará a todo custo chegar perto de qualquer lugar que lembre uma piscina.

Estou escrevendo isso porque um jogo precisa ser oferecido de acordo com as condições de resolução de cada aprendente. A melhor forma de adequar é fazendo uma sondagem dos conhecimentos prévios.

O que almejamos é que o aprendiz vivencie a experiência de satisfação ao conseguir concluir um desafio.  

[…] os resultados obtidos por meio de esforço, cautelosamente dosados, são uma fonte de satisfação que não há por que evitar. (GONZÁLEZ, 2009 apud BATLLORI, 2009, p. 9)

Quando um aprendente sente aquele gostinho de “sou capaz” dificilmente recusará um desafio.

O jogo que eu trouxe hoje pode lembrar um jogo que compartilhei há muito tempo aqui no site, o “Dominó de Formas Geométricas”, porém, há algumas diferenças. A principal delas é que este tem um nível mais, digamos assim, fácil. Porém, claro, irá depender do conhecimento prévio de cada criança.

O objetivo do jogo é estimular a atenção, a percepção, o pensamento lógico. As crianças precisarão observar as partes de um todo. Isso pode ser complexo considerando que será preciso realizar mentalmente uma decomposição. Além disso, algumas figuras são parecidas. Sendo assim, é preciso atenção aos detalhes.

Vou explicar o jogo, mas façam as adaptações necessárias, ok?!

Sugestão de uso:

Distribuir a mesma quantidade de peças entre os jogadores.

Os jogadores deverão unir uma figura com as partes que foram necessárias para formá-la.

Ganha o jogo quem for o primeiro a ficar sem nenhuma peça.

Diferente e maravilhoso este jogo, vocês não acham? Eu sendo modesta novamente…Rsrs! Ah, o arquivo digital está gratuito na nossa loja. <3

Um forte abraço e até o próximo post.     

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

GONZÁLEZ, Roberto Navarro. Prólogo. In: BATLLORI, Jorge. Jogos para treinar o cérebro. 11. ed. São Paulo: Madras, 2009

Clique no link abaixo para adquirir o arquivo digital em formato PDF com 18 peças de dominó + 1 embalagem. É enviado por e-mail.

2 Comentários

  • Jane Lúcia Publicado 11 11-03:00 novembro 11-03:00 2021 9:49 AM

    Ótimas as atividade. Estão sendo norteadoras para mim que estou iniciando em AEE( sala de recurso). Mas precisaria também para alunos do ensino fundamental II ao ensino medio

  • Jane Lúcia Publicado 11 11-03:00 novembro 11-03:00 2021 9:45 AM

    Prof. Teria jogos lúdicos para trabalhar com alunos a partir do sexto ano ensino fundamental, médio, em fim alunos adolescentes ( crescidos)

Comentar

Deixe um comentário