Risque Cor, Forma ou Tamanho

Risque Cor, Forma ou Tamanho
Compartilhe


Oie!!!

Através de mensagens recebemos desabafos de alguns profissionais dizendo que, muitas vezes, é difícil manter o lúdico em sala de aula/espaço psicopedagógico porque eles sofrem com a pressão das famílias. Geralmente, os pais querem que os filhos cheguem em casa com os cadernos cheios.

Entendemos que esse fato é muito sério, pois pode desqualificar o trabalho que está sendo desenvolvido e a criança sente isso. Sendo assim, é necessário que os profissionais chamem as famílias para orientá-las e, definitivamente, tomem o leme das suas salas de aula, de seus consultórios. Afinal, não se vai ao médico dizendo qual o melhor tratamento.

Nesta conversa é preciso esclarecer às famílias que os prejuízos podem ser bem significativos se for aplicado conteúdo teórico para crianças que não têm maturidade neurológica adequada para compreender, ou seja, ainda necessitam que os conhecimentos sejam integrados no concreto. O lúdico é fundamental para isso.

O brincar traz com ele muitos elementos essenciais para aprendizagens futuras.

Na verdade, ela não está brincando por brincar, ela está fazendo uma importante construção, que vai embasar toda a aprendizagem futura. (SIMONS, 2003, p. 16).

Portanto, deixem claro às famílias que não temos como abrir mão de ferramentas lúdicas no nosso trabalho, ok?

Sendo assim, vamos ao jogo! Uhuuu!!! \o/

Este recurso que trouxemos como sugestão hoje tem como objetivo estimular o processo de construção lógica. Exemplificando melhor, se nós mostrarmos duas caixas com cores diferentes à uma criança, ao notar esta diferença (de cores) ela estará demonstrando um exemplo de conhecimento lógico-matemático. Esta diferença é uma relação criada mentalmente e só pode ser feita por cada indivíduo, ok?! 😉

Sugestão de uso:

Os jogadores precisam receber 1 tabuleiro e 1 canetinha (individualmente).

Cada jogador, na sua vez, joga o dado.

Se for sorteado “Cor”, o jogador precisa riscar em qualquer lugar do seu tabuleiro duas figuras que tenham cores iguais. Exemplos: duas vermelhas, duas amarelas ou duas azuis (não importa a forma ou o tamanho).

Se for sorteado “Forma”, o jogador precisa riscar em qualquer lugar do seu tabuleiro duas figuras que tenham a mesma forma. Exemplos: dois círculos, dois quadrados, dois retângulos ou dois triângulos (não importa a cor ou o tamanho).

Se for sorteado “Tamanho”, o jogador precisa riscar em qualquer lugar do seu tabuleiro duas figuras que tenham o mesmo tamanho. Exemplos: duas pequenas ou duas grandes (não importa a forma ou a cor).

O jogo segue até que uma das crianças risque todas as figuras de uma linha ou uma coluna. Este será o ganhador.

Complemento: se vocês tiverem uma caixa com blocos lógicos podem pedir para os jogadores, após riscarem as figuras no tabuleiro, procurarem duas peças iguais. Vai ser show!

Por hoje é isso! Esperamos que vocês gostem do jogo que desenvolvemos e estamos compartilhando com muito carinho em arquivo PDF GRÁTIS! 💝

Um forte abraço e até o próximo post <3

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

SIMONS, Ursula Marianne. Blocos lógicos: 150 exercícios. Curitiba: Hubertus, 2003.

Clique no link abaixo para adquirir o arquivo PDF GRÁTIS (enviado por e-mail) contendo: 1 tabuleiro e 1 dado para o jogo “Risque Cor, Forma ou Tamanho”.



Compartilhe

3 Comentários

  • Dilmara Vieira de Arruda Publicado 17 17-03:00 fevereiro 17-03:00 2021 12:57 PM

    Ótima ideia… parabéns

  • Dilmara Vieira de Arruda Publicado 17 17-03:00 fevereiro 17-03:00 2021 12:55 PM

    Achei ótima idéia… parabéns

  • Lilia Nazaré de Oliveira Leite Publicado 17 17-03:00 fevereiro 17-03:00 2021 12:28 PM

    Esses jogos são absurdamente excelente pra trabalhar o lúdico nas escolas , fiquei encantada e com água na boca

Comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *