Sabemos que cada criança tem seu próprio ritmo de aprendizagem, porém, não é por isso que devemos deixá-la sem estímulo. Aliás, isso é um fator extremamente importante em qualquer aprendizagem e a linguagem não foge dessa regra. A genética tem sua parcela de importância, mas a criança aprende a falar ao ouvir a fala de outras pessoas.

A linguagem, segundo Piaget apud Rotta (2006) : ” É a expressão mais especializada e diferenciada de uma função complexa que é a atividade simbólica.”

Havendo dúvida sobre algum atraso no desenvolvimento da linguagem oral o primeiro profissional a ser procurado é o fonoaudiólogo. Muitas vezes também deverão ser consultados outros profissionais como psicólogo, psicopedagogo, neuropediatra… Sendo constatado algum atraso, quanto mais cedo for realizada intervenção, mais resultados benéficos são alcançados.

Segue uma tabela com as etapas da aquisição da linguagem. Clique na imagem para visualizar melhor.

OBRA  CONSULTADA

ROTTA, Newra Tellechea et all. Transtornos da aprendizagem: abordagem neurobiológica e multidisciplinar. Porto Alegre: Artmed, 2006.

Já conhece o Trio Consciência Fonológica?

Especialista em Psicopedagogia Clinica e Institucional. Formação em Avaliação Dinâmica do Potencial de Aprendizagem e em PEI (Programa de Enriquecimento Instrumental) pelo CDCP (Centro de Desenvolvimento Cognitivo do Paraná) Centro de Treinamento Autorizado pelo Hadassah Wizo-Canada Reserach Institute e pelo ICELP - The Internacional Center for the Enhancement of Learning Potential, Jerusalém - Israel. Experiência em alfabetização e dificuldades de aprendizagem. Autora do e-book: "Mamãe, deixe-me crescer" e idealizadora da Revista Psicosol. Ama ler e tem levado bem a sério a sua brincadeira de escrever.

5 comentários em “Etapas do desenvolvimento da linguagem oral

  1. Gostei!Etapas da Aquisiçao da Linguagem. Parabens!

  2. Solange, boa noite!!!
    Estou terminando a minha pós em Psicopedagogia e vejo o quanto ainda tenho que aprender….. fico encantada com o seu blog….. quanta material criativo e principalmente feito com produtos reciclados.

    Obrigada por dividir um pouco da sua experiência…

    Grande abraço!!!

    Tereza Sanches

  3. Amo ser profissional da educação e as atividades propostas aqui são fantásticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *